Arquivo

Posts Tagged ‘Desempenho’

Monitor de Confiabilidade

29/04/2011 1 comentário

confiancaNão, não é pra você colocar um detetive atrás da patroa ou do marido, monitor de confiabilidade é um recurso muito interessante do Windows que nos permite analisar a estabilidade do sistema diante de erros. Nele é possível saber a frequência em que os problemas aconteceram e quais foram eles ou quais eventos ocorreram no sistema.

 

 

Para abrir o monitor digite o comando a seguir na linha de comando.

perfmon /rel

Ou pelo modo mais difícil:

Abra o Painel de Controle se estiver no modo categoria, na parte onde está Sistema e Segurança clique em Verificar o status do computador como mostra na figura abaixo.

 

image

Depois clique na bolinha com a seta para baixo em Manutenção e depois em Exibir histórico de confiabilidade.

image

Não tem muito do que falar sobre o uso do recurso, ele é muito simples, mas isso não tira o mérito de suas funções.

Quando você clica em um dia ele mostra quais foram as ocorrências daquele dia.

A linha azul que mais parece que estou saindo de uma parada cardíaca é na verdade um modo visual de saber como anda seu sistema. Acho muito interessante esse recurso.

Se clicar em Semanas terá uma visão mais ampla do seu computador mostrando um período mais longo.

image

Como podem ver, meu computador está instável, devido eu ter trocado de PC e continuar usando o mesmo Windows que estava instalado no outro computador.

Vou resolver isso logo mais. Por falar em logo mais. O próximo post será sobre o registro de Logs do Windows, que sempre uso pra achar problemas, motivos de telas azuis e outras coisas.

Abraços a todos, boa noite.

Anúncios

10 Dicas para deixar o Windows XP mais rápido

1)Tenha pelo menos 512 MB de RAM

Para o Windows XP rodar de maneira satisfatória, é necessário pelo menos 512 Mb de memória RAM. Com menos do que isso, o desempenho do sistema operacional deixa a desejar. Memória RAM é um dos upgrades mais baratos que você pode fazer na sua máquina, e o resultado pode surpreendê-lo. Mas tome cuidado para comprar pentes de memória compatíveis com a sua placa-mãe. Obtenha ajuda do fabricante do computador ou de um especialista.

2- Remova os efeitos "especiais"

Por padrão, a área de trabalho do Windows XP é toda incrementada: a seta do mouse e os menus são sombreados, o conteúdo das janelas aparece quando elas são arrastadas e por aí vai. Essas "frescuras" exigem mais do computador. Se você não se importa em ter um desktop sem graça, mas rápido, desabilite esses efeitos:

Clique com o botão direito no ícone Meu Computador e abra o item Propriedades;

Na aba Avançado, dentro de Desempenho, clique em Configurações;

Na aba Efeitos Visuais, selecione a opção Ajustar para obter um melhor desempenho.

3- Desabilite as pastas ZIP

O Windows XP, por padrão, trata arquivos comprimidos no formato ZIP como pastas, mas deixa o sistema mais lento – é melhor utilizar programas como o WinZip e o WinRar. Para desabilitar o acesso direto às pastas ZIP, faça o seguinte:

Vá em Menu Iniciar -> Executar e digite "regsvr32 /u zipfldr.dll" (sem as aspas).

Você deverá ver uma caixa de texto com a mensagem "DllUnregisterServer em zipfldr.dll teve êxito" como confirmação do registro.

4- Remova aplicativos desnecessários na inicialização

Abra o Menu Iniciar -> Executar e digite msconfig;

Vá até a aba Inicializar e desmarque todos os programas que não precisam ser carregados ao ligar o computador.

Cuidado para não desmarcar aplicativos importantes, como o antivírus. Remova somente aqueles que você conhece.

5- Faça uma faxina no disco rígido

Abra o programa, em Menu Iniciar -> Programas -> Ferramentas do Sistema -> Limpeza de disco;

Selecione todos os itens que julgar que devem ser apagados. Aproveite e remova programas que você não usa com freqüência.

São necessários 300 MB de espaço livre para o Windows funcionar bem.

6- Desabilite a indexagem de arquivos para busca

O Windows XP, por padrão, monta um arquivo índice de todo o discos rígidos, para acelerar buscas de arquivos. Se você não faz buscas com freqüência, desabilitar esta função vai acelerar o desempenho do seu sistema. Para remover a indexagem de arquivos:

Abra o item Meu Computador;

Marque cada um dos seus discos rígidos, clique com o botão direito sobre eles (um de cada vez) e selecione o item Propriedades.

Na janela que será aberta, desmarque a opção Indexar disco para agilizar pesquisa de arquivo;

Na janela seguinte, deixe marcado Aplicar as alterações a C:, subpastas e arquivos.

Se der erro em algum arquivo, clique em Ignorar Todos.

7- Limite o número de fontes

Cada vez que o Windows é inicializado, ele carrega todas as fontes (os tipos de letras). O ideal é que o número não passe de 500, ou o sistema rodará de forma mais lenta. Para remover fontes, vá na pasta C:WINDOWSFonts e mova os arquivos para uma outra pasta (ou até mesmo para um CD-ROM, pra uso posterior). Cuidado para não apagar fontes que você deseja utilizar.

8- Mantenha o sistema sempre atualizado

Faça sempre as atualizações do Windows e mantenha os drivers de seus componentes em dia. Drivers atualizados podem ter um desempenho significativo no sistema. Para atualizar o Windows, vá no endereço http://windowsupdate.microsoft.com/. Para atualizar seus componentes, consulte a documentação e o site dos fabricantes.

9- Tenha cuidado com Spyware e vírus

Além de outros males que estes programas podem fazer ao seu computador, spyware instalado no sistema diminui sensivelmente a velocidade do Windows. Use somente anti-vírus bom na sua máquina e mantenha o em dia. Pare remover spyware, utilize programas como Ad-Aware e o Spybot.

10- Desfragmente o seu disco rígido

Se você costuma instalar e remover programas ou apagar muitos arquivos, faça uma vez por mês uma desfragmentação do disco rígido. Com essa tarefa, o HD organiza os dados no disco, facilitando a sua leitura. Para fazer a desfragmentação, vá em Menu Iniciar -> Programas -> Ferramentas do Sistema -> Desfragmentador de disco. No programa que será aberto, aperte no botão Desfragmentar.